terça-feira, 29 de julho de 2008

Limpando meus arquivos...

Recebi, nas últimas semanas, tantas mensagens sobre Orkut _ de fakes que roubam fotos alheias a sites que utilizam as imagens dos outros em páginas do tipo "almas gêmeas" _ que decidi faxinar a minha página pessoal. Retirei fotos, vídeos e informações que só interessam aos mais próximos e, principalmente, a mim. E olha que sou "orkuteira" desde 2004, na época em que poucos faziam parte da rede.
Atualmente, a realidade do Orkut é outra: gangues disputam território nas próprias páginas, marginais postam fotos ao lado de armas, mulheres e homens se prostituem no site, pedófilos procuram páginas de crianças. Um nojo só...
Porém, foi por meio deste mesmo Orkut que reencontrei amigos de infância, colegas do ensino fundamental e familiares distantes. Pessoas queridas que posso manter mais próximas com a ajuda dele.
Então, não deletei totalmente o meu perfil. Simplesmente deixei ele mais simples, mais prático. Uma única fotinho me identifica. Afinal, o local é para encontrar amigos, e não namorados.

P.S: Hoje completei 20 dias pós-cirurgia. As únicas dores que ainda me incomodam são duas pequenas feridas que ficaram nos pontos da perna. Surgiram no momento da retirada dos pontinhos e estão secando aos poucos. De resto, dobrei o joelho mais uma vez (com a ajuda da mãe). Doeu mais por medo do que por algum problema sério. Não vejo a hora de colocar o pé no chão.
Obrigada aos que me deixam mensagens aqui, no Orkut e nos emails :)))

Um comentário:

Roberta disse...

Ai, Aline, essa coisa de ponto é chata, né? A gente morre de medo deles. Eu lembro que, quando tirei a vesícula (olha as conversas de doenças e cirurgias... hehehe), quase entrei em pânico quando fui tirar meia dúzia de pontinhos...
Mas fica firme aí e sem muitos esforços!
Beijo grande!