domingo, 15 de março de 2009

Sobre as minhas (novas) pernas...

Para quem acompanha este blog com o intuito de saber mais sobre as duas cirurgias que fiz para correção de geno varo, segue mais um post de atualização:
- Mesmo trabalhando, continuo firme nas fisioterapias (foto acima, feita pela fisioterapeuta Paty Dacavatá). Eu tinha me perdido na contagem, ainda não alcancei as 90 sessões (completarei 87 amanhã). Recado ao pessoal da fisio: na centésima, eu levo a torta de sorvete, tá? (rsrsrs)
- Ainda não estou 100%. Caminho, mas não consigo correr. Já passo mais tempo sentada, mas continuo sentindo os joelhos enferrujados quando fico mais de duas horas na mesma posição.

- Sinto uma dorzinha leve no joelho direito quando desço escadas. Meus fisioterapeutas dizem que é normal, pois continuo a recuperação da força nas pernas.
- Na sexta-feira retrasada, quase caí ao descer uma rua íngreme em Porto Alegre. Minha perna direita não teve força suficiente para aguentar o meu peso. Aí, ela ficou boba e doeu muito. Mas não me perguntem como eu não caí. Só sei que consegui me manter em pé.
- Por caminhar muito durante o dia (andando de ônibus, subindo e descendo ruas íngremes) forçando as pernas, ganhei duas lesões musculares na tíbia e na coxa. Mas meus grandes fisioterapeutas da Fisiovida (Ju, valeu!!!) descobriram os malditos nós (eu chamo assim) e já deram um jeito de corrigir.
- Estou fazendo quase duas horas de fisioterapia diária. Melhorei muito nos exercícios de equilíbrio e adoro os 15 minutos diários de bicicleta na fisio. Até comecei a usar pesos de 2kg nos braços (sempre supervisionada de perto). Assim, exercito os membros superiores e inferiores durante o "passeio".
- Não vejo a hora de usar a cama elástica na fisio. Aí, terei a certeza de que tudo estará caminhando para o início de uma vida sem dores nas pernas.
- Ainda não saí para dançar. Acho que não tenho pique suficiente para suportar uma noite inteira em pé. Tudo terá tempo.
P.S: Continuem me enviando os emails com dúvidas sobre a cirurgia de correção de geno varo. Eu posso demorar para responder, mas respondo todas as mensagens.

5 comentários:

latorredelossueñosesmeralda disse...

Xa veras, vaia chegar o dia no que volveras a correr, e saltar, e todo o que pasou xa so quedara como un mal recordo....
TEs moita forza mental, e seguro que podes...
Unha aperta moi forte,.

Aline C. disse...

Amigo da Espanha, muito obrigada pela visita e pelas lindas palavras. Unha aperta moi forte :)

Anônimo disse...

aline adorei seu blog! muito interessante atraves dele tirei muitas duvidas que eu tinha...tenho o mesmo problema q vc ja pensei na possibilidade de uma cirurgia,mas tenho medo pois nao conheço nenhuma clinica especializada...pode por favor me indicar seu medico pq agora senti segurança e estou disposta a mudar minha vida pq nao vou nem a praia tenho muita vergonha...por favor aguardo sua resposta...bj..obrigada

Anônimo disse...

QUERIDA ALINE GOSTARIA muito QUE ENTRASSE EM CONTATO COMIGO POIS TENHO O MESMO PROBLEMA
MEU MSN E
d.silva1534@hotmail.com
bs te aguardo

Ana Paula Silva disse...

Oi Aline estava agora pesquisando sobre o problema que tenho nas pernas e achei seu blog,me identifiquei com sua história,pois é a mesma que a minha,tenho as perninhas tortinhas e minhas coxas tem um vão também no meio,morro de vergonha de sair por causa disso,eu adoraria ser como as meninas "normais" usar calça skinny mas não posso,pois fico muito feia com as pernas todas tortas,acaba chamando atenção pelo lado negativo claro =/,tenho medo que as pessoas tirem sarro então nem saio muito de casa,eu gostaria muito que você pudesse me falar qual o nome dessa cirurgia que você fez e o valor dela?
Eu não tenho muito dinheiro e gostaria de saber o preço pra ver se algum dia poderei pagar parcelado talvez,fico feliz por ver que tem jeito esse nosso problema,aguardo sua resposta,beijos *_*

meu e-mail pra contato:paaulinhaa.app@gmail.com